Posts Tagged ‘Morgan Freeman’

h1

SEVEN

domingo, 19 outubro, 2008

Em um excelente trabalho do diretor David Fincher, Seven marcou história nos cinemas contando a trajetória de dois policiais, um à beira da aposentadoria e outro iniciando sua carreira e em uma nova cidade, na perseguição de um perigoso serial killer.

 

O longa que recebeu indicação ao Oscar na categoria Melhor Edição, conta com Morgan Freeman fazendo o Detetive William Somerset, Brad Pitt em uma excelente atuação como Detetive David Mills, Gwyneth Paltrow  é a esposa de Mills, Tracy Mills. E ainda tem a bela aparição de Kevin Spacey no final do filme.

 

Um dos melhores filmes do gênero já feito até hoje, com um roteiro inteligente e intrigante, faz com você fique preso a ele do início ao fim, alem de ter um final totalmente surpreendente e inigualável.

 

 

Anúncios
h1

O PROCURADO

quarta-feira, 17 setembro, 2008

O último filme estrelado pelos badalados Angelina Jolie (Sr. E Sra. Smith) e James McAvoy (O Último Rei da Escócia) deixa a lógica de lado. Na trama, Angelina Jolie encarna a assassina profissional Fox, que muda a vida do protagonista que interpreta Wesley, um funcionário da área contábil de uma empresa afogado na frustração de sua própria rotina. Como se já não bastasse, Wesley é traído por sua namorada com seu melhor amigo, um típico perdedor, que lembra o protagonista de “Clube da luta”.

Baseada nos quadrinhos de Mark Millar e J.G. Jones e dirigido pelo russo Timur Bekmambetov o longa-metragem traz tiros que viajam em círculo, balas que derrubam outras balas e assassinos que vencem a força da gravidade, tudo em imagens geradas por computador com apuro técnico de primeira. O cineasta constrói um mundo que se aproxima do videogame, onde as pessoas não parecem ter sentimentos e a violência é rápida e brutal.

A primeira meia hora do filme impressiona, tanto pelo ritmo imposto ao começo da saga de Wesley quanto pela atuação magnífica de McAvoy. Em uma das cenas mais contagiantes, ele explode contra sua chefe e lança toda sua raiva contra o amigo que faz sexo com sua namorada. Uma pena que o filme descamba para o impossível do impossível, impensável até para os padrões de Matrix e outros clássicos da ficção.

Quanto à atuação de Jolie, ela é discreta para não dizer enfadonha… Uma boa atriz como ela não precisaria se sujeitar a tais papéis, a exemplo do que faz Morgan Freeman, que vai desde clássicos como “Um Sonho de Liberdade” a blockbusters como “The Dark Knight”.

Para quem deixar o cérebro em casa e for disposto a entrar em um mundo regado a muito sangue e para os fãs de efeitos especiais (realmente magníficos no filme) “O Procurado” pode ser uma boa pedida, mas preparem-se, pois aos meus olhos o filme tenta ser um “Clube da Luta”, mas só tenta…

Segue a melhor cena do filme, para dar o gostinho:

h1

BATMAN – THE DARK KNIGHT

quarta-feira, 23 julho, 2008

“Ou se morre como herói, ou se vive o suficiente para virar vilão”. Esta frase dá a tônica do novo “Batman – O Cavaleiro das Trevas”. O filme trabalha a dualidade do caráter humano. Mais do que a aventura de mais um super-herói mascarado, o enredo trata das nuances e loucuras do comportamento humano

A história, continuação de “Batman Begins” de 2005, traz como grande vilão o Coringa, interpretado com primazia por Heath Ledger. A construção do personagem ficou tão perfeita, com detalhes tão bem reproduzidos como tiques e manias, que acaba roubando a cena. Assim, o filme gira em torno do anti-herói e a participação do próprio Batman acaba compondo o palco por onde o palhaço assassino desfila. A interpretação de Ledger, instiga e perturba, seu Coringa vai além de um palhaço ou um maluco, é alguém que vê o caos e a anarquia como única saída, transpondo isso para sua personalidade insana e refletindo em seus atos metodicamente descontrolados

Christian Bale novamente dá vida ao herói e entrega o esperado dele e do personagem, parece que a parceria com Christopher Nolan (diretor) ainda deve render mais algumas seqüências, que infelizmente não contarão com o Coringa digno de prêmios (e eles virão) de Ledger. Além deles, completam o elenco Michael Caine, como o mordomo Alfred; Morgan Freeman, como Lucius Fox, guru tecnológuico e testa-de-ferro das corporações Wayne; Maggie Gyllenhall como a paixão de Bruce Wayne, Rachel; Gary Oldman como o comissário Gordon; e Aaron Eckhart como o promotor público Harvey Dent, que durante o filme se torna o vilão Duas Caras

A história com quase duas horas e meia de duração prende a atenção, desperta reflexão e traz a ação alucinante pertinente a filmes de herói. No enredo, os chefões da Máfia de Gotham estão sendo expremidos pelo promotor Dent e pela ação do Batman, assim, recorrem a um novo vilão com ar de maluco e confiam a ele a missão de eliminar o Homem-Morcego: o Coringa. No entanto, ninguém sabe quais as reais intenções do Coringa, se é que elas existem, ou se existe algum racional por trás delas. Além disso, existem as sempre aguardadas tecnologias do Batman, um triangulo amoroso entre Dent, Wayne e Rachel, além de toda a escória incrustrada na estrutura da cidade de Gotham.

O novo batman é de longe o melhor filme de super-heróis já produzido, bateu todos os recordes de bilheteria existentes e satisfaz a multidão de fãs do cavaleiro das trevas. Agora resta saber como a franquia reagirá, esperamos que consiga alcançar o êxito de outros como X-Men e continuar produzindo filmes que agradam aos fãs de HQs e a todos os fãs de thrillers de ação.