Archive for the ‘Dicas’ Category

h1

DOWNLOAD FILMES

domingo, 15 agosto, 2010

Para os cinéfilos de plantão, fica uma dica de blog que dispõe de um enorme acervo de filmes para download.

http://vagalumerosa.wordpress.com/

Aqui encontramos desde os lançamentos que ainda nem foram lançados no Brasil, até clássicos contemporâneos, filmes nacionais e algumas relíquias de fora da cena holywoodana. Vale a pena navegar no histórico de posts para descobrir ótimos filmes, todos em boa qualidade e com legendas!

h1

ADORO CINEMA

terça-feira, 23 setembro, 2008

Um site muito bacana é o ADORO CINEMA (www.adorocinema.com.br). Lá você encontra resenhas de quase todos os filmes imagináveis, com uma parte rica de curiosidades e muitas, mas muitas fotos e posteres dos longas. Além disso, os internautas comentam, gerando interatividade e muitas opiniões sobre todos os filmes!

Vale a pena visitar tanto para saber das novidades quanto para consultar se aquele filmes que você vai alugar vale mesmo a pena ou não!

h1

LINHA DE PASSE

segunda-feira, 22 setembro, 2008

Uma das melhores sensações para quem gosta de cinema é a expectativa de ver um grande filme, em 2008 foram diversos e a maioria entregando muito mais do que se esperava. O longa “Linha de Passe” de Walter Salles é desses filmões que superam e muito a nossa expectativa.

O diretor de “Central do Brasil” traz uma história a lá Alejandro González Iñárritu (Babel, Amores Brutos, 21 Gramas) mostrando a realidade de uma família do subúrbio paulistano, mostrando partes da vida dos personagens e as interligando de maneira sensível e verossímil. O resultado é um longa tocante, que instiga de verdade.

Cleuza é a mãe da família, grávida do seu quinto filho e trabalhando como empregada doméstica para sustentar a casa quase sozinha, fanática pelo Corinthians leva sua gravidez com irresponsabilidade, bebendo e fumando. O personagem de Sandra Corvelone, que venceu o Grand Prix de melhor atriz em Cannes 2008, é a personificação do suburbano sem grandes perspectivas de vida, mas que mesmo assim luta para manter a família unida.

Dinho, interpretado por José Geraldo Rodrigues, é o filho que virou evangélico após uma juventude aparentemente desregrada e que tem sua fé testada a todo o momento. Dário, Vínicius de Oliveira de “Central do Brasil”, é o filho que tenta se tornar jogador de futebol e enfrenta toda a cruieldade e desonestidade do futebol e suas intermináveis peneiras. Denis, vivido por João Baldasserini, é motoboy e tem um filho com o qual tem pouco relacionamento, além disso, vive a vida mais que seus irmãos, com um jeito mais “malandro” de ser. Por fim, temos o impagável Reginaldo (Kaique de Jesus Santos) o caçula filho de um pai diferente e negro, vive em busca de seu pai, o qual jamais conheceu que só se sabe é um motorista de ônibus, arisco o menino convive com o preconceito até seus próprios irmãos e por isso acaba um tanto revoltado.

O filme é um pouco angustiante, trás uma São Paulo cinza, tensa… No entanto, devemos reconhecer que o elenco se superou, nunca vi um filme nacional com elenco tão completo e preparado para viver as personagens com tamanha verdade que emociona. O reconhecimento de Sandra Corvelone em Cannes premia isso, mas todos os demais também mereceriam prêmios.

Fica mais uma dica de um ótimo nacional que, apesar de preterido na corrida ao Oscar para “Última Parada 174”, narra mais uma vez com perfeição a vida sofrida de diversas famílias, claro que os clichês e chavões do eixo Sertão/Favela já citado nesse blog acaba tirando um pouco da luz do filme, mas a narrativa e as atuações compensam, tornando este mais uma das grandes obras do novo cinema nacional e um de seus ícones, o diretor Walter Salles e Daniela Thomas.

h1

THE WRESTLER

quinta-feira, 18 setembro, 2008

O filme “The Wrestler”, protagonizado por Mickey Rourke, desponta como uma das grandes promessas para o Oscar 2009. Ele obteve o Leão de Ouro de melhor filme da 65ª edição do Festival Internacional de Cinema de Veneza.

Com uma elogiada interpretação de Rourke, que desde já aparece como candidato ao prêmio da Academia de Melhor Ator, no longa o ator – que na vida real foi boxeador profissional entre 1991 e 1995 – vive nas telas o lutador de luta livre Randy “The Ram” Robinson, um lutador de luta livre, modalidade esportiva muito apreciada pelo público norte-americano.

Com a firme direção de Darren Aronofsky (“Pi”, “Réquiem para um Sonho”), considerado um dos cineastas americanos mais rebuscados e intelectuais da atualidade, “The Wrestler” conta a clássica história da queda de um herói, que se nega a aceitar que chegou a hora de se aposentar. O filme foi aplaudido e reconhecido pela crítica, particularmente severa durante esta edição do festival em relação aos filmes selecionados. Mas aguardar a estréia deste aparentemente grande filme no Brasil.

h1

BRASIL NO OSCAR 2009

quarta-feira, 17 setembro, 2008

O longa-metragem “Última parada 174”, (Leia mais aqui) do cineasta Bruno Barreto, foi escolhido para concorrer a uma indicação no Oscar 2009 na categoria filme de língua estrangeira.

O anúncio foi feito nesta terça-feira (16) na sede do ministério no Rio, após uma reunião de cerca de duas horas da comissão montada pelo Ministério da Cultura para escolher um entre os 14 filmes nacionais que haviam se candidatado.

Agora, o nome do escolhido será enviado aos organizadores do Oscar, que então selecionarão apenas cinco indicados dentre títulos vindos de mais de 90 países. A cerimônia de entrega do Oscar 2009 acontece no mês de fevereiro.

“Última parada 174” é um filme de ficção baseado na história real de um sobrevivente de uma chacina no Rio de Janeiro que anos mais tarde seqüestra um ônibus. A história foi contada no documentário “Ônibus 174″, de José Padilha.

Exibido em agosto, no Festival de Cinema de Toronto, ”Última parada 174” será o filme de abertura do Festival do Rio 2008, com exibição no dia 25 de setembro.

Fonte: Portal G1

Em tempo: Ainda não assisti esse filme, mas a crítica especializada vem dizendo que “Linha de Passe” deveria ser o candidato brasileiro… Como ainda não tive tempo de ver esse longa também fico na dúvida, mas só de ler os releases e críticas, tendo a acreditar que Linha de Passe tem mais a cara da Academia… Veremos!

h1

SOBRE O CINEMA

sábado, 6 setembro, 2008

Quem nunca foi ao cinema? Quem nunca namorou no Cinema? até quando se está solitário e não há nada para fazer, é muito bom pegar um cineminha sozinho. Mas afinal de onde surgiram as salas? Como foi tal início?

 

Assim começamos a pesquisar em alguns livros sobre o surgimento das salas de cinema, mas foi na internet que achamos um artigo que conta muito bem o início dessa trajetória sem fim.

 

“…Números de magia, engolidores de fogo e até mulheres barbadas. As primeiras projeções de cinema surgiram em meio às grandes folias dos espetáculos circenses e causavam frenesi entre seu público variado. A primeira exibição cinematográfica pública paga, no mundo, aconteceu em 1895, em um café parisiense…”

 

O artigo conta também a história do cinema em São Paulo.

 

“…É que no Brasil, assim como nos Estados Unidos e Europa, nas primeiras décadas de exibição, o cinema era cada vez mais presente na vida das pessoas, não só pela arte, mas também pelo fácil acesso. Havia salas espalhadas por toda a cidade. Se o Centro mantinha o glamour dos palácios exibidores das ruas Direita, São Bento e 15 de Novembro, os bairros mais afastados também tinham motivo de orgulho, já que sediavam outros ‘templos’…”

 

O artigo ainda fala sobre os números de salas, sobre o Multiplex, cinema do exterior, como foi atrás de investidores, a formação de público e o cinema nas ruas. O artigo foi publicado originalmente na revista SESC de outubro 99. Para ler ele na íntegra acesse: http://www.mnemocine.com.br/cinema/historiatextos/salascine.htm

h1

AUMENTO DE PREÇOS

domingo, 24 agosto, 2008

Quem tem coleção de DVDs sabe o quão caro a brincadeira pode sair. Uma boa opção eram os DVDs semi-novos da Blockbuster. Para quem não sabe, a locadora faz grandes compras dos lançamentos para garantir que não falte na época dos lançamentos, depois que o ápice das locações passou eles fazem uma espécie de feirão com grande parte dos DVDs vendendo-os a preços legais pois combinam o fato se ser lançamentos com serem usados.

Antigamente os preços giravam entre R14,99 a R$19,99, o suficiente para um DVD usado, mesmo estando em ótimo estado. Hoje, coma mudança para Americanas Express os preços desses DVDs pularam para cerca de R$29,99, chegando em alguns casos a quase quarenta reais, um absurdo!

Imaginem que em alguns casos o DVD usado sai mais caro que o novo, não faz sentido nenhum! Acredito que a empresa esteja cometendo um grande erro, pois a venda a preços justos satisfazia os clientes, eu por exemplo só comprava os DVDs nessa condição, e também ajudava a amortizar os custos do DVD, pois ele provavelmente ficaria parado em algum estoque por falta de espaço nas lojas… vamos torcer para que eles caiam em si e voltem a fazer um preço interessante para ambos, até lá não compro mais os famosos semi-novos da Blockbuster/Americanas Express.